po-po-poker face

23 de abril de 2010

Sei que ainda hoje existe muito preconceito com as pessoas que jogam poker. Eu gosto muito de jogar e como na música do post abaixo acredito que muita das coisas que se aprende no jogo pode ser usada na vida. Vi uma tentativa de mostrar isso no filme “Lucky You” ou “Bem Vindo Ao Jogo” com Eric Bana.

Uma frase que fica ecoando nas nossas cabeças é quando o pai dele fala mais ou menos assim: “Você deveria ser na vida assim como você é na mesa”.

Saber jogar, todos sabem. Mas se for jogar, tem que jogar direito. As cartas em si são o de menos. Com elas você apenas ganha ou perde. Não adianta as melhores cartas se você não souber apostar na hora certa. O objetivo é tirar as fichas do adversário, não vencer a mão.

Daniel Negreanu - melhor jogador de poker do mundo

O poker é um jogo no qual você tem que saber perder. Ou melhor, saber quando desistir. Na vida, costumamos nos apegar em castelos desmoronando, coisas que não vão dar em nada. Temos que saber largá-las. Pra que insistir? No fim, você perderá muitas fichas…

Outra coisa é ler pessoas. Saber como são, o que fazem, como vão fazer, por que fizeram. Sou muito bom em ler pessoas. Mas me arrebento sempre que encontro pessoas ilegíveis. E também existem aquelas que de repente mudam de atitude, são inconstantes. Logo, a vida e o jogo têm uma pitada de intuição. Momento certo para tudo…

Sorte e matemática estão envolvidos também. Não se pode descartar, mas tudo na vida é assim mesmo. Chances de erro, sorte, acaso. Mas se você estiver preparado a sorte alheia não lhe afetará tanto, o problema é estar preparado.

Uma das coisas que eu aprendi jogando foi ter a tão chamada cara de pau. Na verdade, dizem até que eu minto muito bem desde criança, talvez seja verdade. Me aperfeiçoei ao longo dos anos. Tenho minha “Poker Face” (porra, Lady Gaga, agora usar essa expressão soa meio mal), quase indecifrável. Um sorriso ou um olha sério penetrante, sem vacilar. Jogar uma piadinha é sempre válido. Com mulheres, a velha cara do gato de botas também funciona.

Agora o que preciso trazer pra vida é a coragem. Saber atacar. “Dar call” é muito fácil. Foldar também. Agora apostar é que é o negócio. Apostar com uma mão nuts (mão que não pode ser batida) é mais fácil ainda. O problema é apostar arriscando, podendo perder. Saber quanto apostar, quando apostar. Mas um dia ainda conseguirei aplicar à vida.

Sei que ainda existem outras coisas, mas você só aprenderá jogando!

Vocês que tem preconceito, deviam jogar poker ao menos uma vez. O dinheiro é o de menos. Se jogar entre amigos, a conversa é boa, talvez uma boa bebida. Risos, é o que faz desse jogo uma grande diversão e um aprendizado. Aprendi muito sobre meus amigos jogando poker, sabia?

ps. Se alguma representante do sexo feminino quiser topar um strip poker, está convidada, ok?

Música da Semana #5

23 de abril de 2010

Sei lá…é uma lição de vida…vou colocar a letra em português só isso…

The Gambler – KEnny Rogers (minha versão é com Johnny Cash)

Numa tarde quente de Verão’, em um trem para lugar nenhum
Eu encontrei com o jogador.  Estávamos ambos muito cansados para dormir.
Então, nós revezamos olhares para fora da janela na escuridão.
Quando o tédio nos ultrapassou, ele começou a falar.

Ele disse: “Filho, eu levei a vida lendo o rosto das pessoas.
Sabendo as cartas que foram pela forma como moveram seus olhos.
Então, se você não se importa que eu estou dizendo, posso ver que você está fora dos trilhos,
Por um gole do seu uísque, eu vou lhe dar alguns conselhos. ”

Então, eu lhe entreguei a minha garrafa e bebeu a minha última gota.
Então ele sacou um cigarro e pediu-me fogo.
E a noite tem um silêncio mortal, e sua face perdeu toda a expressão.
Ele disse: “Se você vai jogar o jogo, garoto, você tem que aprender a jogar direito.”

Você tem que saber quando segurar, sabe quando soltar
Saber quando sair, saber quando correr.
Você nunca deve contar o seu dinheiro quando você está sentado na mesa.
Haverá tempo suficiente para contar quando o dealer acabar.

Cada jogador sabe que o segredo para sobreviver
É saber o que jogar fora e saber o que manter.
Porque toda mão é vencedora e toda mão é perdedora
E o melhor que você pode pedir é morrer em seu sono. ”

E quando ele terminou por falar, ele voltou para a janela,
Esmagando o seu cigarro e desapareceu para dormir.
E em algum lugar na escuridão, o jogador quebrou mesmo.
E em suas palavras finais, eu encontrei um às que eu poderia manter.

%d blogueiros gostam disto: