Antes de dormir

8 de setembro de 2011

Confesso que acordei mais cedo, olhei para o lado procurando o seu corpo que obviamente não estava lá. Você nunca esteve lá, sempre foi apenas fruto do meu pensamento, da minha completa falta de imaginação. Minha companheira de esquizofrenia, uma forma de fazer a solidão ser só mais uma palavra inútil no dicionário, como amor.

Eu que imaginava para nós, uma história perfeita, daquelas que daqui a alguns bons anos algum cineasta maluco contará e arrebatará suspiros de casais apaixonados nas salas de cinema ao redor do mundo. Sempre fui megalomaníaco, querendo ser o melhor do mundo em qualquer coisa que pudesse ser ranqueada.

Hoje eu quero o seu abraço invisível, algumas palavras antes de dormir e só.

Enquanto os outros andam com pressa por aí, eu tenho andado de mãos dadas com você nos meus sonhos, dividindo as parcas emoções que a vida atual tem proporcionado. Será que existe alguma coisa que ainda te emocione?

Por muito tempo, mas muito tempo mesmo você foi tudo aquilo que eu queria para a minha vida, para uma vida qualquer. Como uma criança eu sabia o que queria ser quando crescesse, eu sabia quem eu queria ser e com quem deveria estar.

Hoje eu quero o seu abraço com cheiro de maracujá, cafuné para dormir melhor e só.

Confesso que me assustei quando percebi que você não existia, que era uma utopia, a mulher nota 1000 dos filmes da sessão da tarde. Passei a andar cabisbaixo, maldizendo a minha sorte, mais ou menos como foi quando descobri que Papai Noel não existia, ou que a Vovó Mafalda era um homem. Vi minhas esperanças despetalando pelo chão.

E então eu acordo, vejo você dormindo ao meu lado. Feito criança com uma pano apoiado no rosto, lembrando quando sua mãe enchia o berço de lençóis para que você não se machucasse.

Espero você acordar para dizer que te amo. Como sempre espero você dormir primeiro para eu poder então dormir. Você é melhor do que os meus sonhos, do que qualquer mulher inventada em qualquer espécie de literatura. Você é o silêncio que ninguém ouve quando está falando.

Nessas horas eu vejo que não existem palavras inúteis no dicionário, nem aquelas que nunca são usadas. Tudo faz sentido alguma hora. Todo mistério será resolvido. Toda equação tem uma solução. Todo esquizofrênico terá uma alma gêmea. Fictícia ou não.

Hoje eu quero só repetir incansavelmente que amo você até cansar e dormir. Só.

Anúncios

2 Respostas to “Antes de dormir”

  1. ap Says:

    Gostei muito. Só. 🙂

  2. Eliane Says:

    Sempre romântico. Incurável.
    Adorei. Só.
    Li


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: