(Músicas e mulheres) perdidas

22 de agosto de 2011

De repente todo mundo conhecia “Here Comes Your Man” por causa de um filme chamado “500 dias com ela”. Eu gosto de reclamar como as pessoas começam a descobrir as coisas que eu pensei que tinha guardado só pra mim, até aceitei perder “Where’s My Mind?” quando o “Clube da Luta” estourou, mas perder outra música tema era forte demais.

Sempre fui um fã de Pixies, admito que pelos motivos errados. Comecei a gostar mesmo quando soube que o Kurt Cobain era fã. Sabe essa coisa de querer ouvir o que o seu ídolo ouvia. Que besteira, né? Afinal, entao eu posso ser um dos que roubaram o prazer de ouvir Pixies do finado Kurt. Será que ele se irritou quando todo mundo resolveu ouvir?

Um amigo de infância, Danilo, tinha uma namorada nova. Falava a todos os cantos, em alto e bom som, o quanto ela era maravilhosa, perfeita, boa de cama e compreensiva. Nunca reclamava por ele ir ao futebol com a galera duas vezes por semana. Como era sensacional a sua nova namorada.

Nos happy hours após as peladas, o assunto chegava em mulheres e logo ele bradava: “A minha mulher é a melhor do mundo. Quero ver vocês encontrarem alguém como ela. Duvido”. E continuava sua ode a mulher que ninguém conhecia. Gabava-se da sua própria sorte, de seu poder de sedução. Ganhara na Mega Sena do amor.

Claramente ele aguçou a curiosidade do pessoal. Eu tentei alertá-lo que não deveria falar tanto assim dela. Afinal, se ela era tão especial assim, todo mundo ia querer roubá-la dele. Se era a única, por que alguém não iria tentar levar ela pra casa?

Certos tesouros nós temos que guardar pra gente mesmo. Certas coisas não podem ser divididas, divulgadas. Nunca espalho por aí o quanto eu te amo, meu amor, só você deve saber.Aprendi a tocar “La La Love You” ontem, acho que cantarei para você algum dia.

Ah. Sim. O Danilo perdeu a mulher perfeita que trocou ele por um cara mais perfeito. Alias, como ele passou a dizer ultimamente: “ela nem era tão boa assim, eu me enganei”. Sei sei.

Ah. Também descobri uma banda nova muito boa, mas não direi a vocês. Só eu e meu amor a conhecemos. Demorou muito tempo para eu fazer as pazes com os Pixies. Não perderei mais uma banda pro mundo.

 

Anúncios

Uma resposta to “(Músicas e mulheres) perdidas”

  1. ap Says:

    Tbm penso assim. Gostei mto. 🙂


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: