Café com conhaque

31 de janeiro de 2011

Esse café com conhaque deixa o seu beijo com um gosto tão bom, sabia? É o ingrediente que faltava para a fórmula do amor. Todas as teorias matemáticas sobre como se apaixonar por você são explicadas com um simples café, um quadro-negro e o cruzamento de nossos olhares. Seus lábios macios buscando pelos meus, cortando o ar que nos separa e pronto.

Seria uma declaração de guerra. Seria a busca pela paz que foi esquecida a tanto tempo. E como as regras do uso da crase a gente tem que decorar tudo sobre os nossos mundos. E mesmo assim é tão dificil acertar.Encaro como um jogo de xadrez, mas nem sei como se movem as suas peças. Peça perdão e eu de pronto já aceitei. E então os opostos nos atraem.

Você ri das minhas maluquices, mas tem idéias tão mirabolantes quanto as minhas. Caminhamos na mesma direção. Mais um café com conhaque, por favor. E depois da terceira dose de tequila já estamos contando os detalhes mais sórdidos de nossa vida. Segredos que na verdade todo mundo sempre soube. Que você entrou no meu aquario e me fez companhia.

E quando cheiro o seu perfume como drogas alucinogenas, a gente se diverte por aí. Até onde o trilho nos levar.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: