Sorrisos tremulos e olhares trepidantes

24 de outubro de 2010

Enquanto eu me expressava atraves de sorrisos trêmulos e olhares trepidantes tal qual um menino de 8 anos apaixonado pela professora. Você dançava de olhos fechados, balançando o cabelo pra um lado e pro outro sem notar qualquer bomba atômica entre os muros ao seu redor.

Meus ensaios longos monologos em frente ao espelho, de joelho pedindo a sua mão pra uma dança lenta. Dizer ao seu ouvido esquerdo que pensei em você a vida inteira, esperando o momento certo pra abrir as portas da esperança, do meu coração. Tudo era mais fácil nos meus sonhos. Apesar de sempre aparecer um elefante azul cruzando a estrada em nossa direção.

Na tirolesa da sua vida, eu sempre pensei ser o ponto de chegada. Com um abraço e um beijo de satisfação. Pódio de chegada e beijo de namorada. Tal qual como previram os meus heróis que morreram de overdose, ou foi Aids?

Mas a realidade me acerta com um direto de direita no queixo. Você ainda dança seus jogos eletrônicos em raves que me fazem esquecer dos seriados que ainda tenho que assistir. Retiro do fundo da memória um papelzinho no qual anotei tudo aquilo que poderia dizer, um mapa de milhões de perguntas e respostas possíveis para todas as ocasiões. MAs no fundo eu sabia que você viria com uma inédita.

Por que eu sempre danço fazendo air guitar mesmo quando a música não tem guitarra alguma? Fazer papel de bobo talvez seja o meu melhor.

Em câmera lenta você se aproxima remexendo cada músculo do seu corpo em minha direção. Passa a mão no cabelo, mordisca de leve o lábio inferior e num fast forward repentino senta ao meu lado no balcão do bar.

– uma água, por favor.

– não quer levar o meu coração e alguns beijos de brinde?

– não, obrigado. Não me contento com miséria.

– Acaba de perder a oportunidade da sua vida. A melhor promoção nesse mercado da vida.

– Ah, é? Então vem dançar comigo…

* Às vezes não adianta ser o cara mais inteligente do mundo, precisa-se de um rostinho bonito pra funcionar. *

Anúncios

2 Respostas to “Sorrisos tremulos e olhares trepidantes”

  1. Jéssica Says:

    Ou não, às vezes são só os sorrisos trêmulos mesmo.

  2. Jéssica Says:

    Pronto, agora sim terminei todos. Meio febril, mas terminei. 🙂


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: