O fim da monogamia.

7 de outubro de 2010

A gurizada de hoje em dia anda pondo em extinção uma coisa muito importante pra arte: a monogamia. A possessividade do amor. A graça de brigar por ciúmes. O gostinho de ter uma namorada pé no saco que te liga de meia em meia hora com medo de vocês estar com alguma outra vagabunda.

Sentado no aeroporto lendo uma revista de futebol, eu observava um grupo de jovens falando alto e cheio de instrumentos musicais. Eram 4 garotas e 6 rapazes. Um gaorto de azul com cabelo bagunçado beijava a loirinha dos olhos azuis e blusa laranja. Eram apaixonados. De repente ele levanta e diz: – Amor, vamos dar uma volta. – o “amor” dele era a outra menina dos cabelos pretos e blusa roxa. Saíram de mãos dadas aos beijos.

Não contive minha curiosidade e fui perguntar a menina laranja. Afinal, ele é namorado de quem? Ela respondeu que era da Carla (a menina de roxo). Mas tu não tava beijando ele? Deixa de ser besta, ela deixa.

Voltando ao inicio. Essa “juventude” está acabando com o chifre. A dor de amor. As lágrimas pelos corações partidos. A graça de fazer graça. A arte da conquista. De conseguir o “my precious”. Assim, pelo visto, não teremos mais poetas que todos sabem são melhores sofrendo. Nem músicas lindas marcadas pela dor. Só teremos coisas coloridas e flores no caminho pra casa. Nenhum texto carregado de ironia cega e auto-piedade.

Sem a possessividade monogamica tudo fica mais chato. Sem graça. Pode-se fazer o que bem querer. E a liberdade não é boa pra humanidade. O livre arbitrio está aí pra gente ver. Temo pelo futuro da poesia, da música, dos filmes classe C. Ainda bem que sempre existem o loucos que ficam à margem das modas juvenis…com seus óculos de John Lennon e cara de Paul McCartney.

 

Anúncios

2 Respostas to “O fim da monogamia.”

  1. Jéssica Says:

    Por isso prefiro continuar essa boba que sou.

  2. Dricolina Says:

    Bom, todo poeta eh melhor sofrendo mesmo… mas nao precisa se preocupar, a situacao do nosso pais da conta do recado. Eh assim que surgem os rompantes de amor pelo pais.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: