O menino e sua lancheira perfeita

9 de agosto de 2010

Era uma vez um menino que ia pra escola, mas nunca tinha lanche no recreio. Sempre ficava com “fome”. Olhava os outros meninos com suas lancheiras de super-heróis enquanto ele não tinha nada.

Lancheiras nessa epoca nada tinham a ver com dinheiro. Um menino teria que lutar muito pra conseguir ter uma. Elas andavam nas ruas por aí, rebolando seus diversos formatos e tamanhos. Com mil e dois atrativos para os meninos “famintos”.

Um dia, ele encontrou a lancheira perfeita. Era do jeito que ele sempre sonhara. Passeava pela casa com ela. Não desgrudava dela nem por um segundo. Pena que estava de férias. Não poderia ir pro colégio, nem mostrar pros seus amigos a sua lancheira especial.

Logo passou o tempo e as aulas voltaram. Ele levou a sua lancheira, todo orgulhoso. Sabia que todos os outros sentiriam inveja dele e ele seria o rei do recreio.

Ocorre que a lancheira era sentimental. Tinha suas próprias escolhas. Afinal, ninguém tem uma lancheira especial impunemente. No primeiro descuido do menino, a lancheira fugiu e encontrou abrigo pra sua alça no pescoço de um garoto mais bonito.

E então, o menino foi motivo de chacota de todos seus amigos. E foi pra casa chorando. Sem lancheira, sem orgulho, sem dignidade. Que pena.

A vida escolar não é justa, nunca será.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: