Entre Seus Lábios

20 de maio de 2010

Entre Seus Lábios

(George Raposo)

Preso entre seus lábios
Me embriago nessa paixão louca
Por essas janelas escancarradas
O vento entra e te deixa rouca

Quando você tossir
Lembrará de mim
Penetrando em seu pulmão
Como o ar mais carregado

Eu sei que posso te fazer mal
Mas também sei que posso te salvar
Resta agora esperar o sal
Transformar o rio em mar

Quando você chorar
Lembrará de mim
Fazendo novas palhaçadas
Só pra te ver sorrir

Então tudo mudou
Se estava sozinha pegue minha mão
Parece um sonho
Um novo mundo ou não

Segredos que deixei
Guardados num baú
Uma caixa de pandora
No meu corpo nu

Acordando enxarcado de suor
Pesadelos ou sonho bom
Eu não consigo mais saber
Se foi por mim ou por você

E ainda estou aqui
Preso nos seus lábios
Sem saber que se você sorrir
Talvez eu possa evaporar

* esse é dedicado a uma pessoa especial *

Anúncios

Uma resposta to “Entre Seus Lábios”

  1. Eddie Says:

    acho que esse poema é lindo!!! achei quem o escreveu está muito apaixonado(a) BJS 🙂


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: